Skip to content
Vagas Para Coordenador – Protecção à Criança (Saúde Mental e Apoio Psicossocial)

Vagas Para Coordenador – Protecção à Criança (Saúde Mental e Apoio Psicossocial)

    SAVE THE CHILDREN INTERNACIONAL

    Alerta: Faça parte do nosso Grupo no WhatsApp Clique Aqui

    A SAVE THE CHILDREN INTERNACIONAL (SCI), uma organização humanitária sem fins lucrativos com seu enfoque virado ao bem-estar da criança, está a recrutar candidatos para a vaga abaixo mencionada:

    Coordenador – Protecção à Criança (Saúde Mental e Apoio Psicossocial) CD- SC 08/23 – Cabo Delgado – (Montepuez/ Ancuabe/Palma)

    O/A Coordenador/a de Protecção à Criança (CP) deverá liderar a expansão e implementação das actividades de CP em resposta à emergência causada pelo conflito, pandemias (Pandemia de COVID-19) e desastres naturais em Cabo Delgado. Irá liderar a implementação da resposta do CPiE, em colaboração com o governo no fortalecimento dos sistemas de protecção, incluindo Gestão de Casos, Rastreamento e Reunificação Familiar (FTR) e cuidados alternativos adequados para crianças desacompanhadas e crianças separadas das suas familias, bem como fortalecimento da comunidade relativamente aos mecanismos baseados na protecção da criança e intervenções de Saúde Mental e Apoio Psicossocial.

    Qualificações

    • Grau académico até o nível de bacharelato em Serviço Sociais, Direitos Humanos, Direito, Educação, Relações Internacionais, Ciências Sociais, Psicologia, Estudos de Desenvolvimento ou experiência de campo equivalente.

    Experiência e Habilidades

    Essencial

    • 3-4 anos de experiência de coordenação de Proteção à Criança e experiência em programas trabalhando em contextos de emergência/frágeis.
    • Forte experiência e habilidades em programação de reintegração UASC, FTR e gestão de casos, MHPSS, SGBV e monitoramento dos direitos da criança.
    • Experiência anterior em gestão de equipa, incluindo recrutamento, orientação e coaching no trabalho.
    • Experiência em programação integrada e gestão de projectos e programação nexus.
    • Capacidade de identificar as principais lacunas na protecção/criança em determinado contexto.
    • Bom conhecimento e experiência no uso de padrões e diretrizes estabelecidos entre agências na proteção infantil, como as Diretrizes
    • Interagências sobre Crianças Separadas e Desacompanhadas, os Princípios de Paris, MRM, SC Child Friendly Spaces Handbook e os
    • Padrões Mínimos para Crianças Protecção em Ação Humanitária, Padrões Humanitários Fundamentais e Padrões da Esfera.
    • Experiência em monitoramento e avaliação de programas de proteção infantil em contextos de emergência, transição e desenvolvimento.
    • Experiência na capacitação e no fortalecimento da compreensão e resposta de vários detentores de deveres à protecção da criança.
    • Experiência de trabalho e apoio a parceiros locais.
    • Capacidade de escrever avaliações claras e bem argumentadas e relatórios de projectos
    • Comunicação e habilidades interpessoais excelentes.
    • Fortes habilidades de influência e experiência em advocacia.
    • Politicamente e culturalmente sensível com qualidades de paciência, tacto e diplomacia.

    Desejável

    • Experiência ou conhecimento de trabalho e vida em regiões/contextos frágeis e de difícil acesso.
    • Experiência de trabalho com crianças e famílias, especialmente conhecimento dos direitos da criança e participação
    • Conhecimento das línguas locais (Macua, Kinwani e Maconde) e Kiswahili altamente desejável.

    Os (As) candidatos(as) interessados(as) deverão submeter o Certificado de Habilitações, BI, CV, e a carta de motivação em Português e Inglês até ao dia 26 de Abril de 2023. Através do seguinte link:

    https://hcri.fa.em2.oraclecloud.com:443/hcmUI/CandidateExperience/en/job/1295?utm_medium=jobboard

    “Na Save the Children celebramos a diversidade e promovemos a equidade e inclusão, pelo que encorajamos candidaturas de mulheres e pessoas com deficiência. No entanto, ninguém é obrigado a revelar a sua identidade de gênero, condição física, sensorial, intelectual ou outras. A Save the Children compromete-se em garantir que todos os seus funcionários e programas sejam absolutamente seguros para as crianças.

    Aplicamos procedimentos rigorosos para garantir que somente os candidatos adequados para trabalhar com crianças tenham permissão para se juntar à nossa organização e todos os candidatos serão, portanto, sujeitos a este escrutínio.”

    AVISO LEGAL:

    A SAVE THE CHILDREN INTERNACIONAL NÃO FAZ NENHUM TIPO DE COBRANÇAS EM QUAISQUER DAS FASES DO PROCESSO DE RECRUTAMENTO E NÃO PROCEDE POR VIA DE AGENTES DE RECRUTAMENTO.

    NB:Somente os candidatos seleccionados serão contactados.

    To apply for this job please visit short.jobsmoz.com.

    Siga Nossa Pagina de Facebook Clicando  [Aqui]
    error: