Avançar para o conteúdo
Vagas Para (34) Oficiais de Ligação Comunitária de Violência Baseada no Género

Vagas Para (34) Oficiais de Ligação Comunitária de Violência Baseada no Género

    Site A Jhpiego

    Alerta: Faça parte do nosso Grupo no WhatsApp Clique Aqui

    A Jhpiego pretende recrutar para o seu quadro de pessoal trinta e quatro (34) Oficiais de Ligação Comunitária de Violência Baseada no Género, baseado em Inhambane (Inhassoro, Vilanculo, Massinga, Funhalouro, Panda, Maxixe), Gaza (Mandlakaze, Chibuto, Chokwé, Bilene), Maputo Província (Magude, Manhiça, Moamba, Marracuene, Boane).

    Objectivo

    Conselheiro Leigo GBV para Resposta e Mitigação de Violência, Assédio e Exploração Sexual (VBG/AS/ES) Associadas ao Projeto Temane Regional Electricity Project – TREP (P160427) e para Implementação de medidas de gestão dos potenciais riscos e impactos associados ao projecto.

    Responsabilidades

    • Realizar actividades de campo preconizadas no plano de trabalho;
    • Liderar actividades de comunicação comunitária e local de trabalho sobre Violência Baseada no Género, Exploração e Abuso Sexual;
    • Apoiar o funcionamento de comités comunitários para manejo de casos de violência e exploração sexual relacionados ao Projeto TREP;
    • Facilitar e apoiar o cumprimento de referências para serviços de apoio centrados na vítima de VBG;
    • Identificar actores comunitários que apoiem na implementação das actividades de campo;
    • Realizar mapeamento e engajamento de provedores formais e informais VBG, incluindo bares e hotéis mais populares;
    • Implementar as actividades de educação e informação sobre violência e exploração sexual, mecanismos de reporte de casos nas comunidades e no local de trabalho do projecto;
    • Preparar e apoiar na sensibilização sobre a resposta comunitária a violência e exploração sexual na comunidade;
    • Apoiar no estabelecimento de comités comunitários de ligação com o projecto;
    • Elaborar planos de actividades e respectivos relatórios de actividades rotineiras;
    • Promover a igualdade de género, a cultura de não violência e respeito pelos direitos humanos nas suas comunidades;
    • Participação nas consultas comunitárias e programas radiofónicos sobre VBG;
    • Realização de supervisão de auditorias nas frentes de obras e acampamentos do projecto;
    • Cadastro e monitoria da força de trabalho do Projecto

    Requisitos

    • Nivel basico de escolaridade;
    • Pelo menos 3 anos de experiência na implementação de actividades comunitárias de saúde comunitária de VBG incluindo HIV/SIDA será uma vantagem;
    • Capacidade de trabalhar em equipe e de forma extremamente proactiva e focado nos resultados;
    • Capacidade de trabalhar sob pressão com honestidade e princípios éticos e íntegros no tratamento de informação confidencial no manejo de casos de violência sexual e exploração sexual;
    • Capacidade de comunicação aberta e assertiva;
    • Capacidade de comunicação na língua local do distrito que for alocado é mandatório;
    • Capacidade de comunicação em Português verbal e escrito;
    • Conhecimentos básicos de uso de Tablet e smartphones;
    • Habilidades para realizar múltiplas tarefas e gerir efectivamente situações de pressão;
    • Disponibilidade imediata;
    • Capacidade de síntese e elaboração de relatórios técnicos de actividades.

    Exigências

    • Carta de Apresentação;
    • Curriculum Vitae;
    • Referências.

    Nota: Apenas candidatos pré-selecionados para serão contactados. Os candidatos interessados deverão detalhandar as experiências relevantes e referências que possam ser contactadas e indicar no assunto de email “Oficiais de ligação comunitária de violência baseada no género”. Deve enviar na hora da candidatura o comprovativo de residência do local onde se candidata. No entanto poderá haver necessidades de realocação de local de trabalho dentro da sua província.

    Envie a sua candidatura a esta posição para este email: hr-mozambique@jhpiego.org

    Siga Nossa Pagina de Facebook Clicando  [Aqui]